Início | Livros de biblioteca | Fale Conosco

Main Menu

Languages

Select Interface Language:

Syed Abdul Hafeez E Sua Equipe de Voluntários
Posted on Thursday, August 06 @ 02:55:22 AST by webmaster
All Topics

 

Syed Abdul Hafeez

E

Sua Equipe de Voluntários

Syed Mahfooz Ali

Dr Ahmad Odeh

Irmão Iqbal Shaikh

Dr Syed Rashid Ali

E Outros

 

  

Syed Abdul Hafeez

Nasceu numa família religiosa em Badayoon no estado de Udder Pradesh na Índia em 1912. Ele recebeu educação formal na sua cidade natal. Desde cedo ele se rebelou contra o sistema educacional convencional existente, e decidiu se educar sozinho à sua própria maneira. Ele viajou muito e recebeu instrução em várias disciplinas da vida por vários professores. Esta forma de universidade livre lhe concedeu muita introspecção que na opinião dele nenhum tipo de educação formal pode conceder.

 

Depois da partição do sub-continente Indiano, ele migrou para o Paquistão, permanecendo por um breve intervalo em Karachi, ele resolveu ficar em um pequeno lugarejo próximo a cidade de Thatta, na área rural de Sindh, onde começou a ganhar a vida como agricultor.

 

Durante os últimos 35-40 anos, ele vem tentando conscientizar os moradores da área a respeito do Islã. A sua missão principal é de alcançar um estado de paz e harmonia com o Criador, acredita ele que, esta é a chave para todos os nossos problemas e a razão principal para se esforçar nesta vida. Acreditando firmemente no versículo do Sagrado Alcorão onde Deus declara categoricamente: “Em bem verdade! Na lembrança de Deus os corações encontram Paz”, ele ensina para seus estudantes como se lembrar de Deus Todo Poderoso em todos os aspectos da vida. Sua filosofia gira ao redor desta noção que “Paz está sempre dentro e não fora”. Toda a raça humana está se esforçando para conseguir esta paz e é esta busca pela paz que é a força principal atrás da evolução e do progresso de nosso mundo.

  

Assim que ele se estabeleceu, Sain Abdul Hafeez montou a entidade Bait-ul-Mukarram Trust. Vários projetos são administrados pela entidade. Educação, Cuidado Médico, Biblioteca, cursos profissionalizantes para Pequenas Indústrias e uma Mesquita, são algumas das áreas onde a entidade está atuando.  

 

Syed Abdul Hafeez viajou bastante dentro e fora de Paquistão e dissertou a uma audiência variada para espalhar a mensagem do Islã. Ele escreveu vários livros e folhetos, que são distribuídos de forma gratuita. Ele é contra o recebimento de doações e gasta tudo o que tiver disponível de seu próprio bolso. Porém, se alguém quiser compartilhar nestas obras beneficentes, ele não os nega a oportunidade.

 

Foi durante uma das suas viagens, em 1988, que uma cópia do desafio de Mubahila (duelo de oração) por Mirza Tahir Ahmad, o líder da comunidade Ahmadia, foi dada a ele. O que o enfureceu foi a maioria como Mirza Tahir Ahmad se dirigiu a toda a comunidade muçulmana, chamando-a de mentirosa e descrente (Kafir). Syed Abdul Hafeez decidiu aceitar o desafio. Desde então ele tem liderado o Movimento anti-Ahmadia no Islã. O motivo é duplo:

 

Alertar os muçulmanos sobre as falsas convicções de Mirza Ghulam Ahmad e as intenções maléficas do Movimento Ahmadia, de forma que eles não se tornem vítimas das heresias da seita Ahmadia; Para obrigar os ahmadis a defender seu falso messias e suas doutrinas heréticas, sem que estes recorram ao Alcorão ou Hadiths (tradições).

 

Pelo Graça de Deus, o Movimento anti-Ahmadia tem obtido ótimos resultados e a sua literatura está sendo distribuída em várias partes do mundo em vários idiomas, graças ao nosso time de voluntários.  

AlHamdollilah, estamos livres de qualquer obrigação com qualquer organização Governamental e não-governamental e conseguimos administrar sem assistência financeira.  

Deus diz: “Você ajuda Deus e Ele o ajudará a firmar seus passos”. Nós vimos uma demonstração prática disto. Em Deus confiamos e em Ele somente nós buscamos toda a ajuda. É Verdadeiramente uma honra poder fazer este tipo de serviço ao Islã. Eu estou certo que há mais pessoas com mais conhecimentos e recursos, mas Deus deu esta oportunidade a nós. Fa Al Hamdolillah (Graças a Deus).

 

Que Deus aceite nosso pequeno esforço. Que Deus proteja esta Comunidade de todos os tipos de males. Que Deus traga de volta os Ahmadis ao rebanho do verdadeiro Islã.

Amém.    

 

SYED MAHFOOZ ALI

 

Sr. Syed Mahfooz Ali nasceu na Índia em 1925. Graduou-se na universidade Aligarh e terminou seus estudos no campo de Engenharia na mesma instituição. Ele migrou para o Paquistão depois da divisão da Índia. Ele se estabeleceu em Karachi onde ele seguiu carreira em Engenharia Elétrica. Ele está residindo no Golfo Árabe desde os anos setenta. O Sr. Mahfooz foi um dos primeiros alunos de S. Abdul Hafeez e foi responsável por muitas obras de caridade. 

 

DR AHMAD M. OUDEH

O Dr Ahmad Oudeh é um palestino naturalizado na Suécia. Ele nasceu em uma família Ahmadi em uma cidade pequena de Kababir em Haifa no Monte Karmal, Palestina. Ele recebeu educação em Haifa e migrou para a Suécia em 1971 para fazer curso superior. Ele se formou na Universidade de Estocolmo e obteve um doutorado em psicologia. Ele ensinou na mesma Universidade até que assumiu seu posto atual como reitor de uma escola em 1994.

Durante sua carreira ele foi o membro mais ativo da Comunidade Ahmadia na Suécia. Em 1977 ele foi eleito Presidente da Associação dos Estudantes da Ahmadia do Norte Europeu e Presidente do Khuddam-al-Ahmadia (servo da Ahmadia). De 1978 a 1981 foi eleito Presidente da Associação Ahmadia/Missão ahmadia em Estocolmo. Em 1981 ele foi eleito membro do Shoura (conselho) e Presidente da Missão Ahmadia na Suécia, um posto que manteve até que ele renunciou a seita Ahmadia.  

O ano de 1989 foi o ponto decisivo na vida de Ahmad e seus dois irmãos. Pela Graça de Deus, Ahmad, Hasan – chefe da repartição árabe da Associação Ahmadia em Londres e Saleh - professor em uma Escola Ahmadi em Kababeer, saíram da Ahmadia e entraram no Islã. Foi uma experiência sem igual e muito dolorosa, porque eles tiveram que sacrificar tudo por causa da Imaan (Fé). Eles tiveram que deixar para trás os pais e outros membros da família e abandonar afiliações sociais e empresariais. Mas foi um preço pequeno pela fé. Fa AlHamdo lillah ‘ala Zalik (graças a Deus por isso).

Desde que aceitou o Islã em 1989, o Dr Ahmad e seus irmãos estão ativamente tentando conscientizar os muçulmanos do Norte Europeu e da Palestina sobre os desígnios maléficos e fraudulentos da Associação Ahmadia. Dr. Ahmad Odeh está especialmente envolvido com o Movimento Anti Ahmadia do Islã.  

Que Deus aceite seus sacrifícios e lhes de uma recompensa neste mundo e também no além. Amém.  



 E aqui estou eu: Dr Syed Rashid Ali 

 Nasci em Karachi, Paquistão, em 1954, eu fiz minha graduação na Universidade de Karachi, obtendo meu diploma de medicina da Faculdade Médica Dow na graduação de 1978. Depois do internato eu fui para o REINO UNIDO e terminei minha pós-graduação, com treinamento e diploma da Faculdade Imperial de Médicos. Desde 1985 eu  trabalho como médico em um hospital.

Eu sou um aluno de Sain Abdul Hafeez desde muito cedo e eu admito que a perspicácia que ele me deu em assuntos da vida é inimitável e sem paralelos.  Vendo-o, é surpreendente como a sabedoria de um homem pode afiar sem sofrer um processo tradicional e rotineiro de educação. Estudar natureza humana e ponderar sobre os sinais de Alá, como mencionado no sagrado Alcorão, pode tornar a pessoa tão astuta, é algo incrível. É ele que me fez perceber que servir a humanidade, independente de casta, crença ou cor é a verdadeira liberdade. Eu devo tudo a ele e rezo a Deus Todo Poderoso para lhe conceder sucesso nesta vida e na vida futura.  

Pela Graça de Deus, eu estou envolvido com o Movimento anti-Ahmadia do Islã. Eu considero isto um honra dada a mim por Deus, porque por outro lado há pessoas com muito mais conhecimento e diligentes que poderiam fazer o que eu estou fazendo. Que Deus aceite meus humildes serviços na causa do Islã.  

Amém.  

 

E Outros

Há vários outros muçulmanos espalhados ao redor do globo que estão ajudando Movimento anti-Ahmadia e que desejam permanecer anônimos. Há várias razões para esta atitude, uma principal é evitar represália por parte dos qadianis/ahmadis. É fato que eles tentam causar dano físico aos que expõem sua fraude.Contudo, é pela ajuda destes voluntários é que conseguimos conter o avanço Ahmadi. Os serviços prestados por esses voluntários é incalculável. Que Deus possa recompensar todos que contribuem de qualquer maneira para a causa anti-Ahmadia. Que Deus elimine a ameaça da seita Ahmadia ao Islã.  

Amém  

 

 

Related Links

Article Rating

Average Score: 0
Votes: 0

Please take a second and vote for this article:

Excellent
Very Good
Good
Regular
Bad

Options

Associated Topics

All Topics

Sorry, Comments are not available for this article.

Page Generation: 0.18 Seconds